Microagulhamento em Florianópolis

Microagulhamento em Florianópolis

O Microagulhamento ameniza manchas e deixa a pele incrivelmente renovada. Você provavelmente já ouviu falar sobre a técnica de microagulhamento que, com o auxílio de agulhas muito finas, estimula o colágeno da pele e atenua sinais de envelhecimento. Atualmente, ela é realizada, inclusive, com o auxílio de um equipamento chamado Roller, que tem cerca de 200 agulhas, facilitando a aplicação.

O microagulhamento é um tratamento que pode trazer excelentes resultados no tratamento das cicatrizes (inclusive as cicatrizes de acne), estrias, melhora da textura da pele (poros dilatados), melasma e rugas (fotorejuvenescimento).

A Dra Josy Sasaky, pós-graduada em Dermatologia, explica que o tratamento é realizado através de dispositivos compostos por pequenas agulhas que causam microperfurações na pele. “Os fibroblastos, células responsáveis pela produção de colágeno¸ são estimulados pelas microperfurações”, diz.

O número de sessões varia de acordo com a indicação – em média, são realizadas 3 sessões, com intervalos de 1 a 2 meses entre elas.

INDICAÇÕES MICROAGULHAMENTO

  • O microagulhamento pode ser indicado para rejuvenescimento facial, tratamento de estrias, manchas, além de alopecia e flacidez.
  • O microagulhamento pode ser utilizado tanto no rosto, como em outras partes do corpo, inclusive no couro cabeludo, para estimular a circulação sanguínea da região. È indicado também na redução do melasma, redução de cicatrizes de acne, redução de rugas
  • O microagulhamento melhora de poros e textura da pele,
  • O microagulhamento ajuda na redução de cicatrizes traumáticas .

COMO É O PROCEDIMENTO

Primeiramente é realizada a higienização e assepsia da pele. Com esse procedimento finalizado há a escolha da melhor agulha a ser utilizada no tratamento proposto. São utilizados rolos com microagulhas descartáveis, que penetram na pele inúmeras vezes, formando microcanais que estimulam a remodelação tecidual. O microagulhamento, diferente de outros tratamentos, não provoca um dano grande na superfície da pele – assim, propicia o estímulo à produção de colágeno sem remover a epiderme (camada mais superficial da pele), o que torna a recuperação mais rápida.

PÓS-OPERATÓRIO

Após o procedimento, há inchaço de leve a moderado, e vermelhidão na pele que varia de acordo com a intensidade da aplicação.

O pós-procedimento é tranquilo, com recuperação rápida. Em média, o paciente pode retornar às suas atividades habituais em no máximo 5 dias, dependendo do tamanho da agulha utilizada.

São essenciais cuidados com a exposição solar.

RESULTADO DO PROCEDIMENTO

A Dra Josy Sasaky explica que geralmente são indicadas de uma a três sessões, a depender da severidade do quadro e da indicação.

A redução das manchas e a melhora da qualidade da pele são vistas nos primeiros 15 a 30 dias. O auge da produção de colágeno é em torno de 3 meses, quando há melhora de rugas, cicatrizes e estrias.
Segundo a Dra., geralmente, pode-se observar que, após o microagulhamento, por até oito meses ainda existe a produção de colágeno.