Tratamento para Melanoses Solares em Florianópolis

Tratamento para Melanoses Solares em Florianópolis

“Mancha senil “ você, com certeza, já deve ter ouvido alguém falar. Elas são popularmente chamadas assim porque costumam aparecer em pessoas com idade mais avançada. Mas, o nome correto é Melanose Solar

Ela resulta do dano causado à pele pelo sol ao longo dos anos e não pelo avanço da idade. Este dano induz ao aumento do número de melanócitos (célula que produz o pigmento que dá cor à pele) e da sua atividade, produzindo mais melanina e escurecendo a pele. Como o resultado da ação do sol só vai aparecer com o passar do tempo, as melanoses solares são mais comuns em pessoas de idade. Daí o nome “mancha senil”.

As melanoses solares costumam aparecer a partir da quinta década de vida e se localizam preferencialmente nas áreas expostas da pele, como por exemplo, face, colo, e mãos. Elas podem ser de diversos tamanhos desde milímetros até poucos centímetros, sendo estas maiores, na maioria das vezes, causadas pela confluência de diversas manchas pequenas.

A intensidade do aparecimento depende de vários fatores. Os principais são o tipo de pele de cada indivíduo – quanto mais clara a pele, maior tendência a ter estas manchas – e o tempo de exposição deste indivíduo ao sol durante toda a sua vida.

O tratamento destas manchas pode ser feito de diversas maneiras: produtos clareadores, peelings químicos, cauterização química, luz intensa pulsada e laser. A Dra Jsy Sasaki lembra “que estes processos devem ser indicados e realizados pelo médico responsável pelo tratamanto

A inclusão do laser no arsenal terapêutico das “manchas senis” trouxe um excelente e rápido tratamento para eliminá-las.

Existem vários tipos de aparelhos a laser para tratar esta desordem, assim como aparelhos de Luz Intensa Pulsada. Estes devem atuar superficialmente na pele, sem a necessidade de qualquer tipo de anestesia.

Luz Intensa Pulsada: Atua destruindo o pigmento, além de tratar os pequenos vasos que aparecem próximos ao nariz e bochechas, e de melhorar a textura da pele.

INDICAÇÕES

É indicada para indivíduos que desejam remover as manchas escuras na pele especialmente causadas pela exposição solar e aos raios ultravioletas.

Este procedimento é indicado apenas para as estações do ano com menor incidência do sol, já que o tratamento estimula a produção de melanina e em caso de exposição da área tratada ao sol em demasia, pode existir o risco de manchar a pele.

COMO É O PROCEDIMENTO

As sessões de luz pulsada devem ser realizadas por especialistas
Cada sessão é de 30 minutos, os olhos são protegidos da luz por óculos escuros. Aplica-se gel gelado seguido da ponteira de cristal do aparelho, que emite pulsos de luz concentrada no local desejado. Durante a aplicação da luz pulsada, sente-se uma sensação de queimação ligeira, que passa em menos de 10 segundos.

PÓS-OPERATÓRIO

Após o tratamento, é normal que a pele fique avermelhada e inchada, sendo necessário o uso de cremes ou pomadas cicatrizantes com filtro solar, que protejam a pele. Após alguns dias, a pele pode descamar e surgir pequenas crostas, que não devem ser arrancadas. É preciso esperar que elas caiam sozinhas.

Deve-se limpar a pele delicadamente com água morna e hidratar com hidratante apropriado na noite do tratamento. O bloqueador solar FPS 30 deve ser usado, e o paciente deve evitar ao máximo a exposição solar por 3 semanas. São necessárias algumas sessões para se chegar ao efeito final.

RESULTADO DO PROCEDIMENTO

Os resultados aparecem progressivamente após cada aplicação.