Tratamentos estéticos em Florianópolis: Causas da descamação de pele

Tratamentos estéticos em Florianópolis: Causas da descamação de pele

A busca por uma pele bonita e saudável é algo comum entre homens e mulheres que investem cada vez mais em tratamentos. Porém, alguns hábitos diários podem causar a descamação da pele.

Esse incômodo é bastante comum e pode ocorrer em diferentes épocas do ano, sendo mais recorrente no inverno. O primeiro sinal da descamação é uma alteração na textura da pele e um leve branqueamento.

Mas por que a descamação ocorre? Quais os tratamentos existentes? Conheça a resposta para essas e outras dúvidas, sobre o assunto, aqui!

Como ocorre a descamação da pele?

Quando ocorre a perda da parte superior da epiderme em formato de flocos e em grande escala, chamamos de descamação da pele. Esse problema se dá por uma série de fatores que vão desde a queimadura solar até doenças graves.

Entre as causas mais comuns, estão: banho quente, uso de sabonetes inadequados e infecções. Essas podem ser evitadas por meio de medidas simples, ou seja, apenas com mudanças de hábitos.

Já os casos mais graves requerem um tratamento específico. Porém, em ambos os casos é imprescindível uma avaliação médica antes de se tomar qualquer atitude.

Causas da descamação da pele

Como informado acima, são muitas as causas de descamação da pele. Isso ocorre porque estamos expostos a elementos naturais, como clima seco, vento, chuva, frio, calor, entre outros.

Essa exposição acaba por irritar a pele e, se ocorrer com certa frequência, resulta nas escamas. Caso o problema seja relacionado à saúde, podem ocorrer também coceiras. Além disso, as causas podem ser emocionais, desencadeando algumas doenças, como a dermatite atópica e a psoríase.

Outras doenças comuns relacionadas a esse problema são: dermatite de contato, lúpus eritematoso sistêmico, queratose pilar e hipotireoidismo.

Como tratar a descamação da pele?

Para os casos comuns, não há necessidade de um tratamento específico, apenas a mudança de hábitos, como mencionado acima. Mas para tratar a descamação da pele causada por doenças, o dermatologista poderá indicar alguns tratamentos.

É possível tratá-la com agentes biológicos em casos graves ou medicamentos convencionais, para casos menos complicados, cremes ou pomadas com corticóides  são eficientes. Já para os casos considerados leves, indica-se apenas exposição ao sol.

Como prevenir a descamação da pele?

Para prevenir a descamação da pele, você deve:

  • Usar cremes hidratantes, de preferência com ureia, se a pele estiver ressecada.
  • Manter a pele limpa e hidratada.
  • Suspender o uso de qualquer produto que cause alergia.
  • Usar protetor solar diariamente, especialmente ao tomar sol.

Considere buscar ajuda de um dermatologista ao identificar irritações recorrentes na pele.

CRM/SC | 14625 RQE 12663

Fontes: Minha Vida, Cláudia Abril e A Revista da Mulher.

Deixe um comentário