Clínica em Florianópolis: Como tratar unhas quebradiças

Clínica em Florianópolis: Como tratar unhas quebradiças

A correria do dia a dia nem sempre permite que nos cuidemos da melhor maneira, não é mesmo? Porém, é preciso dar atenção a algumas situações que podem indicar problemas e complicações sérias de saúde, como unhas quebradiças!

Apesar de serem vistas pela maioria das pessoas apenas sobre o aspecto estético, as unhas também podem revelar como anda nossa saúde. Unhas fracas e quebradiças podem estar relacionadas, por exemplo, a doenças como hipo ou hipertireoidismo, deficiências de vitaminas e falta de hidratação.

É hora de aprender mais e passar a olhar com mais cuidado para as suas mãos!

Principais problemas nas unhas e suas possíveis causas

De modo geral, fatores genéticos, estresse e uso de medicamentos são capazes de afetar (negativamente) as unhas. Para compensá-los, é importante manter uma alimentação nutritiva, assim como cuidar da higiene das mãos, mantendo a integridade da matriz e uma boa vascularização da região que fica na base das unhas.

Os problemas mais comuns são:

  • Unha encravada: Pode ter causa congênita, o que leva as unhas a encravarem sempre. Mas, atenção, pode ter origem infecciosa ou traumática também. Não é incomum que sejam necessárias cirurgias para solucionar o quadro;
  • Unhas quebradiças: Além de ser sintoma da falta de nutrientes, como falta vitamina D, zinco e selênio, pode ter uma causa mais profunda, como hipo ou hipertireoidismo, e até mesmo anemia. Cuidado também com certos produtos de limpeza e o uso constante da acetona, que geram enfraquecimento e a consequente quebra das unhas;
  • Cutículas inflamadas: Ocorre principalmente com pessoas que mexem muito com água. Por isso é tão importante utilizar luvas para realizar as tarefas de casa. A repetição da inflamação pode levar a uma deformação das unhas ou mesmo impedir o crescimento, de forma definitiva, da cutícula, o que as deixa mais frágeis.

Mas, ingerir nutrientes como castanhas do pará, couve, camarão, feijão, gema de ovo, banana, leite, ameixa e, principalmente, manter a hidratação, ajuda a fortalecê-las.

O que fazer para evitar unhas quebradiças?

Existem muitas maneiras de fortalecer as unhas. Separamos dicas ótimas a seguir:

  1. Deixe suas unhas respirar: A primeira dica é essencial para que as próximas funcionem. Escolha pelo menos um dia da semana para ficar sem esmalte. Você pode fazer as unhas e deixar para passar o esmalte um ou dois dias depois. Ou, então, tirar o esmalte um ou dois dias antes da próxima coloração.
  2. Passe hidratante: Pode ser o mesmo que você usa no seu corpo. O ideal é passar bastante no período da noite, em que fazemos menos atividades com as mãos. Mas vale a pena ter aquele creminho para usar nas unhas durante o dia também.
  3. Use azeite ou sumo de limão: Se suas unhas estiverem muito fracas, molhe chumaços de algodão com azeite e coloque-os sob elas, por pelo menos 10 minutos. Depois é só lavar bem as mãos, especialmente se optar fazer com o limão, que pode causar manchas na pele exposta ao sol.
  4. Passe óleo de rícino: Aplique todas as noites, antes de dormir, diretamente nas unhas. Ele facilita o crescimento delas, fortalecendo e estruturando-as.
  5. Mantenha a hidratação: Beber água é essencial e traz diversos benefícios para o nosso corpo, que é constituído principalmente pelo líquido. Então, mantenha sempre uma garrafinha por perto.
  6. Alimente-se bem: Comer alimentos ricos em vitamina D, zinco e selênio ajudam muito a fortalecer as unhas. Tenha cuidado com dietas restritivas, que podem desequilibrar o organismo e causar pequenos problemas.

É essencial lembrar de consultar sua dermatologista de confiança. Assim, você encontrará a melhor solução para o seu caso 🙂

Você conhece ou utiliza algum outro método ? Deixe o seu comentário!

(CRM/SC 14625 RQE 12663).

Fontes: G1VixCorreio Braziliense.

Deixe um comentário